Costa Nova e não só...

Pois é...


Aí têm um texto de 1918 relativo à praia da Costa Nova de então... e para vos enquadrar aí vão dois documentos de 1911 sobre um cocheiro e possivelmente uma daquelas diligencias... Se elas forem recriadas nas praias é simplesmente uma recreação da historia...

António Angeja


Praia da Costa Nova


“No concelho de Ilhavo, a 7 quilometros de distancia da séde municipal, e a 10 quilometros de Aveiro, fica situada esta praia de banhos, servida por uma boa estrada, havendo, durante a época balnear, carreiras de diligencias e de automoveis para serviço dos banhistas, que ali concorrem em grande numero, principalmente os das sedes dos dois concelhos indicados, e ainda muitos de outras localidades do distrito. Muitas famílias costumam ir veranear para a Costa Nova, servindo-se das diversas casas que ali ha para alugar durante a época propria.
A vila de Ilhavo está situada S.E. da parte central da grande ria de Aveiro, uma legua a S.O. da estação daquela cidade, e tem uma só freguezia, a de S. Salvador, mas compreende os interessantes lugares de Coutada, Ribas, Preza, Mouta, Val de Ilhavo de Baixo e Val de Cima, Chouza, Lagôa, Moutinhos, Quintans (onde ha um apeadeiro), Ermida, Gafanha e Barra.
O lugar da Ermida é mesmo uma pequena vila, que foi couto e teve foral proprio, dado por D. Manuel, em 1514, o que denota a sua antiga importancia. É bonita e de terreno muito fertil.
Os homens de Ilhavo são dos nossos mais corajosos maritimos, e as mulheres muito formosas e de ameno trato.

A vila é de terreno plano, abundando em cereais, frutas e legumes e tendo excelentes pastagens e muito gado de todas as qualidades. Tem muitas e bem construidas casas, dispersas por 11 ruas diversas. A época da sua fundação é desconhecida, assim como o nome do seu fundador e ainda a origem do seu nome actual, havendo quem afirme haver-se chamado primitivamente Ilha Boa, e que pela corrupção e troca do b por v, tão frequente nos povos do norte, se chegou a fixar a denominação porque é conhecida.
Uma das mais interessantes excursões a realizar, estando-se em Ilhavo, é ao lugar e fabrica da Vista Alegre, a famosa fabrica de porcelanas nacionais e outros generos de ceramica, situada a uma pequena distancia e em ponto donde se gosa magnifica vista.
A população da Costa Nova compõe-se quasi exclusivamente de maritimos, artistas e lavradores, predominando, porém, os primeiros, que por ali vivem nas suas tão caracteristicas habitações, quasi sempre de madeira enegrecida, que só de muito longe em longe apanham uma ligeira demão de agua de cal.
Para se conhecerem os costumes muito especiais e tipicos das classes maritimas da região, impõe-se uma visita a esta praia, que melhor será fazer-se na época de banhos, por ser a que oferece maior concorrencia e animação. Ficam perto as povoações do Corgo, Ermida e Gafanha, que são tambem muito caracteristicas.
Ilhavo é servida pelo apeadeiro de Quintans, na linha ferrea do Norte, ou ainda pela estação de Aveiro, mas esta fica a maior distancia.”

in As Nossas Praias, Lisboa, Sociedade Propaganda de Portugal, 1918, pp. 14-15

Comentários

carlos disse…
Excelente.
Muito obrigado por partilhar.

Mensagens populares deste blogue

A Ponte da Cale da Vila que ruiu

Famílias Tradicionais da Gafanha

A Borda