Tecendo a vida umas coisitas - 306


PITADAS DE SAL – 36 



COMIDA SALGADA… QUE TEM DE SER TRAGADA 

Caríssima/o: 

Lume aceso com labareda forte, a panela até treme com a fervura das batatas com o carapau do de ‘3-25’ e já um cheiro convidativo se espalha entre o fumo que enche a cozinha. 
Atarefada, como sempre, a Mãe olha para a panela e uma mão-cheia de sal é atirada para aquele reboliço; a colher de pau mergulha e vira-que-revira as batatas, procurando não desmanchar os carapaus (são aquelas artes, quase magia, que as nossas Mães sabiam e praticavam!). Meia volta e a capoeira agita-se à espera da braçada de couves. 
Entretanto, o Pai abeira-se do lume e, sem mais aquelas, “que as mulheres são sempre umas esquecidas e depois a comida fica sem gosto nenhum!...”, lá vai um bom punhado de sal fazer companhia aos carapaus. E foi à vida, dar lima a uma serra para o trabalho de amanhã. 
- Ó povo, vamos comer que as batatas desfazem-se! 
Sentados nos bancos corridos, panela escorrida e esvaziada na bacia onde mesmo a fumegar espetamos os garfos ansiosos! Sopra-se na batata para não escaldar a boca e … lá vai ela! Mas que é isto?! A comida é autêntica pilha! Como é possível? 
- Vamos, filhos, tenham paciência, bebe-se mais uma pinga d’áuga! – diz a Mãe. 
Lá se foi empurrando com mais água e íamos perguntando com os olhos o que teria acontecido. E o Pai então descoseu-se: 
- Quando cheguei pus um punhadito de sal, pensei que ainda não tivesses posto… 
- E não tinha… Antes de tirar a panela do lume é que temperei. Arranjámo-la bonita! Comam o peixe, filhos, e deixem as batatas que vão para os porcos! 
Cenas da vida real desses tempos! 

(Porque ali do lado perguntam, sempre digo que o carapau de 3-25, era o carapau grande que era vendido e se pagava 25 tostões por 3 carapaus! … Pronto 25 tostões eram 2$50, 2 escudos e cinquenta centavos, o que equivale a um cêntimo e mais umas migalhitas… Como se vê a ‘crise é séria’!) 

Manuel


Comentários

Mensagens populares deste blogue

A Ponte da Cale da Vila que ruiu

A Borda