A nossa gente: Jorge Miguel Rodrigues Cardoso

Um artesão para conhecer melhor


Jorge Cardoso

Neste mês de abril, em que se realiza a Feira Franca das Associações e dos Artesãos do Município de Ílhavo, no âmbito da Comemoração do Feriado Municipal, dedicamos a rubrica “a nossa gente” ao Artesão Jorge Cardoso. 
Natural da Gafanha da Nazaré, Jorge Cardoso é um jovem artista que desde muito cedo começou a revelar talento para as artes. Ainda criança fazia experiências e tentativas de arte naif. Aos catorze anos formou, com mais dois amigos, o grupo musical “Putos do Flamengo” e começou a executar quadros de nós de marinheiro, técnica que foi aprofundando nos anos seguintes. O facto de ter nascido no Município de Ílhavo fez com que se guiasse no meio artístico inspirado pela sua Cultura e Tradições, criando peças sobre temáticas como a Faina Maior, a tradicional seca do bacalhau, a Arte Xávega, a agricultura, entre muitas outras. 
A par dos estudos, que concluiu em 2009, na Escola Secundária da Gafanha da Nazaré, e do Curso Profissional de Topografia que tirou no Centro de Formação Profissional de Aveiro, Jorge Cardoso sempre foi um autodidata, dedicando grande parte do tempo livre à leitura sobre técnicas de artes e a observar outros artesãos a executar bricolages. 


Com vinte anos começou a fazer restauro e aos vinte e três, cativado pelas miniaturas e maquetas, iniciou a odisseia de criar um infindável universo de personagens em miniatura feito a partir de amendoins. A “Amendoimlândia”, única do género no Mundo e já patenteada, conta com mais de 500 personagens, entre heróis de banda desenhada, personagens literários, profissões, presépios ou outras personagens que se possam imaginar. Os amendoins são tratados, para não se deteriorarem, pintados e depois são-lhes adicionados pormenores que dão vida a cada personagem. 
As personagens da “Amendoimlândia” tornaram-se a sua principal atividade, tendo inclusive já enviado amendoins para o Canadá, Venezuela, Angola, Estados Unidos da América, entre tantos outros países. 
O que inicialmente parecia uma brincadeira passou a ser um projeto de vida a sério: com o apoio incondicional da mulher, Joana, este artesão passou a viver exclusivamente das suas criações artísticas, o que o faz sentir preenchido e realizado. 
Atualmente, Jorge Cardoso participa em inúmeras Mostras e Feiras de Artesanato por todo o país, podendo os seus trabalhos ser apreciados na Feira Franca das Associações e dos Artesãos do Município de Ílhavo, que terá lugar no dia 1 de abril, entre as 12 e as 18 horas, no Mercado Municipal de Ílhavo. 

Agenda “Viver em…” da CMI

Comentários

Mensagens populares deste blogue

A Ponte da Cale da Vila que ruiu

A Borda