Escola de Música Gafanhense

Orquestra Juvenil vai ser uma realidade

Em ligação inicial à Filarmónica Gafanhense, foi fundada a Escola de Música Gafanhense, em 20 de Abril de 1982, com a finalidade de formar executantes para a Música Velha. A ideia partiu de Dionísio Marta, que superintendia na filarmónica, acumulando com o ensino da música a título particular. Dado o estreito relacionamento entre ambas as instituições, praticamente só os seus fundadores sabiam da sua independência estatutária.
Em 20 de Dezembro de 1988, foi considerada Instituição de Utilidade Pública e em 11 de Outubro de 1994 foi inscrita no INATEL, organismo que, a partir daí, tem contribuído, anualmente, com alguns instrumentos.
Em 18 de Junho de 1999 foi clarificada a situação quanto à forma de coabitação com a Filarmónica Gafanhense, passando a seguir o seu caminho com objectivos próprios.
Com professores credenciados para o ensino da música e prática de instrumentos, a Escola de Música Gafanhense assume como desafio importante a constituição de uma Orquestra Juvenil, que representará a escola e a cidade com muita determinação e qualidade.

Nota: Nos 28 anos da sua existência é legítimo salientar o contributo da Escola de Música Gafanhense para a formação musical de muitas dezenas, talvez centenas, de crianças e jovens, que regularmente exibem as suas capacidades e o nível do ensino que é ministrado na associação, sem alardes. E não é por acaso que cresce continuamente o número de gafanhões, e não só, que se interessam pelas arte musical, bem patente nas festas em que participam.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

A Ponte da Cale da Vila que ruiu

A Borda