Já há galeota!

Pescadores levantam a rede

A primeira galeota!...
Ana Maria Lopes

São 11 de Março. Eis o primeiro pregão! Galeooooota!
Andava à coca do primeiro anúncio, porque a época dela estaria prestes a chegar. Foi hoje. Este ano, pareceu-me ser mais cedo! Mas, com tempos tão incertos que têm estado, tudo é possível…
Galeooooota!
Eram quase seis da tarde e coquei à janela, por dentro dos vidros, dado o frio que fazia. Idêntica vendedeira, à de outros anos, de negro trajada, de balde amarelo na mão, com os pexinhos apreciados por alguns.
Por mim, nem por isso, mas para amanhã, já tenho almoço destinado. Foi mesmo o Marintimidades que me fez descer e comprar, para ter o prazer de recontar a apanha da galeota.

– Cara! – resmunguei eu – …um pires de chávena de café, rasinho, dois euros?
– É a primeira, minha senhora!
– Bote mais uma manchinha! – retorqui.
– Num posso, que no é minha!
Mas, a vendedeira, da Costa Nova, calou-me com mais uns fiapitos de pexito.
– Ah, até nem bendi mau, da framácia inté qui.
– Boas bendas!

Ler mais aqui


NOTA: Foto e texto do Marintimidades
- Posted using BlogPress from my iPad

Comentários

Mensagens populares deste blogue

A Ponte da Cale da Vila que ruiu

A Borda